VANGUARDA NOTÍCIAS

Fábio Santos ressalta bom proveito do Atlético após semanas sem jogos em 2018

Por Sergio Santos | 12/05/2018 11:10

Com a opção da diretoria e da comissão técnica do Atlético de escalar uma equipe reserva contra o San Lorenzo-ARG, na última terça-feira, pela Copa Sul-Americana, o time titular do Galo teve uma semana inteira para treinar e descansar, situação que não acontece com muita frequência no futebol brasileiro. Além do calendário apertado, o fato de ser um ano de Copa do Mundo deixa tudo mais complicado.

E o Galo tem conseguido aproveitar bem as semanas sem jogos. Nesta temporada, nas nove partidas que realizou após uma semana de trabalho na Cidade do Galo, em 2018, o retrospecto é muito positivo: foram sete vitórias, um empate e apenas uma derrota.

O lateral-esquerdo Fábio Santos ressalta que apenas o descanso não trará o triunfo para o alvinegro, mas o tempo de trabalho foi importante para ajustes. Ele espera que assim como nas outras ocasiões, o alvinegro consiga tirar proveito de uma semana mais tranquila para os titulares.

“A gente sabe que o descanso faz diferença, mas como eu falei: não significa que a gente vai lá e vai vencer o jogo, vai passar por cima do Atlético Paranaense. Porém, com tempo para trabalhar, querendo ou não, você acaba fazendo coisas no dia-a-dia que são importantes. A gente tem sabido tirar proveito disso, como os números mostram. Tomara que a gente possa melhorar ainda mais esses números”, afirma.

O lateral acredita que os mineiros podem aproveitar o desgaste da viagem do Furacão para a Argentina e do jogo da última quinta-feira, quando os paranaenses encararam o Newell’s Old Boys-ARG. “Vamos enfrentar uma equipe forte, jogando dentro de casa. Sabemos que as dificuldades são grandes. Mas é óbvio que eles vêm de viagem, estarão um pouco mais cansados. Não sei se vão entrar com uma equipe mista, pois faz diferença também você mudar os jogadores. Tomara que a gente possa tirar proveito de todas essas situações”, finaliza o jogador do Galo. (Com informações do Portal O Tempo)