VANGUARDA NOTÍCIAS

Santana do Paraíso encontra-se em situação de risco para doenças causadas pelo Aedes Aegypti.

Por Sergio Santos | 13/03/2018 19:46

Conforme o Levantamento Rápido de Infestação por Aedes Aegypti realizado em janeiro de 2018, pela Secretaria de Saúde,  Santana do Paraíso encontra-se em situação de risco para doenças causadas pelo Aedes Aegypti. As principais doenças transmitidas pelo mosquito são Dengue, Chikungunya, Zika e Febre Amarela. Nas últimas semanas houve um aumento expressivo no número de notificações de Dengue em todo o município. Os bairros que mais notificaram são: Centro e Alto Santana. A Vigilância Epidemiológica, junto à Atenção Básica e o Setor de Obras intensificam as atividades de prevenção nas áreas de maior risco, com objetivo de minimizar e quebrar a cadeia de transmissão e o ciclo do mosquito. A partir desta quarta-feira, 14, será realizada uma mobilização com atividades educativas e de manejo ambiental