VANGUARDA NOTÍCIAS

UFMG começa a testar vacina contra zika

Por Sergio Santos | 20/12/2017 15:44

Em uma corrida internacional para combater um vírus que tira o sono de famílias por todo o mundo, especialmente as que planejam ter um bebê, Belo Horizonte entra para um seleto grupo mundial que busca conter a infecção causada pelo zika vírus. A partir de janeiro, começa a ser testada em seres humanos, no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais (HC/UFMG), vacina experimental contra a doença, uma das várias transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti e apontada como responsável pela microcefalia em recém-nascidos. Uma das 21 instituições no mundo a participar da pesquisa ligada ao governo norte-americano, o HC/UFMG começa a recrutar voluntários para participar dos testes nos próximos dois anos. O trabalho é fruto de parceria entre o Centro de Pesquisas Clínicas do HC, Instituto René Rachou/Fiocruz e Universidade George Washington, dos EUA. No Brasil, além da UFMG, apenas mais uma instituição participa do estudo.

Fonte: EM